<< August 2004 >>
Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat
01 02 03 04 05 06 07
08 09 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31

Nalanda Blog:


*notícias de nossas atividades

*cursos e retiros do Centro Nalanda

*atualizações de nossa homepage

*notícias do mundo Theravada no Brasil e no mundo

*notícias de sites amigos

*impressões sobre o desenvolvimento do Buddhismo no Brasil, etc....

Aqui você também pode:

*comentar as notícias e idéias expostas (use o link "make a comment" após cada mensagem)

*fazer perguntas

*ou se cadastrar para receber um email sempre que o blog for atualizado
(utilize a caixa logo abaixo para colocar seu email e clique em "register").


Indique aos amigos!


----------



Centro Nalanda


----------


próximos retiros


programa do mês


nosso mosteiro


livros publicados


 



Web Counter
Lerner Clothing



If you want to be updated on this weblog Enter your email here:



rss feed



4.8.04
lidando com a dor

Lidar com a dor física, para não falar da mental, é certamente um dos obstáculos mais freqüentes que o praticante de meditação se depara. Enquanto alguns caminhos procuram lidar com a dor de uma forma mais filosófica [estimulando o entendimento das causas da dor e a necessidade de aceitar aquelas que são inescapáveis] o Buddhismo Theravada não pára neste entendimento teórico, mas dá um passo a mais no sentido de transformar a dor em "prática". Achan Kor diz: "Devemos aprender nossas lições provenientes da dor, de tal modo que a mente possa se libertar dela, ao invés de se enfraquecer e ser derrotada todo o tempo. Devemos ser corajosos e lutar com ela até o último limite – até chegar ao ponto de podermos deixá-la ir. A dor é algo sempre presente nesse conglomerado de corpo e mente. Podemos percebê-la a cada momento. Se a contemplarmos até vê-la em todos os seus detalhes, podemos, então, torná-la nosso esporte: ver que a dor é a dor das condições naturais, não a nossa dor. Isto é algo que devemos investigar detalhadamente: que isto não é a nossa dor, é a dor dos agregados ". Tal investigação é uma das marcantes características de vipassana, tal como praticado no Buddhismo Theravada.

Dhanapala


Posted at 09:57 am by nalanda
O que você acha disso?  

29.7.04
Pindapataparisuddhi Sutta

Pindapataparisuddhi Sutta (MN 151) - A Purificação das Esmolas. O Buda explica para o ven. Sariputta como um bhikkhu deve examinar a si mesmo para fazer com que seja digno de receber esmolas.
Este é o novo sutta no Acesso ao Insight

Posted at 11:07 pm by nalanda
O que você acha disso?  

27.7.04
Três Novas Resenhas

Gostaria de convidá-los a comparecer em nosso fórum [http://dharmanet.com.br/forumnalanda/] para três novas resenhas. Na Resenha de Filmes, Rev. Wagner 'escavou' um antigo comentário a "Guerra nas Estrelas" de um ponto de vista do Buddhismo da Terra Pura, com tradução de Emerson Zamprogno. Também de Emerson é o comentário do recente "Efeito Borboleta". E Tam Hao Vam recomenda "Primavera, Verão, Outono, Inverno e... Primavera". Sintam-se também bem-vindos para acrescentar e comentar no fórum e participar com resenhas próprias.

Posted at 07:00 am by nalanda
O que você acha disso?  

22.7.04
Dois novos Suttas

Channovada Sutta (MN 144) - Conselho para Channa. O ven. Channa, gravemente enfermo, se suicida apesar das tentativas de dissuação do ven. Sariputta e Maha Cunda. Nandakovada Sutta (MN 146) - A Instrução de Nandaka. O ven. Nandaka discursa para as bhikkhunis sobre a impermanência.

São os novos suttas do Acesso ao Insight. Parabéns, Dhammarakkhita, está quase lá!

Posted at 04:26 pm by nalanda
O que você acha disso?  

18.7.04
A expansão do Buddhismo no Brasil

Quando vemos a expansão do Buddhismo no Brasil, não podemos deixar de pensar no acontecimento semelhante de séculos atrás na China. Algo que creio importante diferenciar é o contexto que recebeu o Buddhismo na China e o possível contexto no Brasil. Porque na China, par a par a superstições e costumes, havia também um forte tao/confucionismo. Então quando falamos de sincretismo e de integrar tradições populares, me pergunto se é isso mesmo que ocorreu na China e em outros cantos. Apesar de diferentes, o tao/confucionismo apresenta algumas 'pegas' com o Buddhismo. Mas o que de fato é a cultura brasileira hoje em dia? Será mesmo uma cultura cristã? A questão do sincretismo com os costumes populares poderia acabar nos envolvendo numa mistura do Buddhismo com as novelas, estilo ‘ratinho’ de ser, e ocultismos de toda sorte. Isso envolve também perguntar-se o que são as verdadeiras raízes de nosso povo e diferenciá-las de meros modismos da cultura de massa.

Dhanapala


Posted at 10:59 am by nalanda
Leia as opiniões (1)  

17.7.04
Como podemos classificar o Theravada?

Como podemos classificar o Theravada? Seria uma escola, um conjunto de escolas ou um "yana"?

Está é uma pergunta difícil. Acho que poderíamos dizer que igual ao Theravada não há nada igual no Buddhismo, pois contém duas coisas que nas outras denominações se encontram separadas, ou seja, a disciplina monástica e a doutrina numa mesma escola de uma mesma escola. Explico: o Buddhismo tibetano, por exemplo, segue o vinaya mulasarvastivada, mas em termos de doutrina seguirá o gelug, sakya, etc. O mesmo ocorre com todas as outras. Mas no Theravada, vinaya e doutrina são da mesma origem. Então o Theravada é uma ordem (antiga), no que toca o monasticismo, com um vinaya próprio. Ela é uma escola à medida que tem uma doutrina clara e articulada e um conjunto de métodos próprios. Mas cada templo é independente. Não acho que poderíamos falar que é um conjunto de escolas, a menos que se entenda escolas como estilos, e aí, então, sem dúvida, há vários estilos. Já quanto a Yana isso é uma classificação mais particular dentro do Mahayana. Para o Theravada, o Buddhismo é Ekayana. Só há um veiculo que leva à Iluminação e o veículo é o dhamma-vinaya; dhamma, como tudo aquilo que é compatível com o ensinamento libertador do Buddha, e vinaya enquanto disciplina, não necessariamente monástica, de vida no mundo.

Dhanapala


Posted at 10:49 am by nalanda
O que você acha disso?  

15.7.04
Lomasakangiyabhaddekaratta Sutta

Lomasakangiyabhaddekaratta Sutta (MN 134) - Lomasakangiya e Uma Única Noite Excelente. O Buda enfatiza a necessidade de esforço no momento presente para desenvolver o insight das coisas como elas realmente são.

Novo sutta no Acesso ao Insight

Posted at 03:38 pm by nalanda
O que você acha disso?  

14.7.04
AppamadaNet

Nuevos textos del Canon Pali en AppamadaNet: "Sermón del Fuego - Adittapariyaya Sutta"; "Acerca de Kolita (Maha Moggallana) - Kolita Sutta"; y "El Noble Óctuple Sendero - Ariyo Atthangiko Maggo", la parte final del Mahasatipatthana Sutta.
appamada.cjb.net > novedades

Pâlita

Posted at 06:47 pm by Palita
O que você acha disso?  

13.7.04
Novas resenhas

Gostaria de convidá-los a comparecer em nosso fórum [http://dharmanet.com.br/forumnalanda/] para duas novas resenhas do Shaku Hondaku. Na Resenha de Livros, ele comenta "A Viagem de Théo" de Catherine Clement; e na Resenha de Filmes, o "Depois da Chuva" de Akira Kurosawa. Sintam-se também bem-vindos para acrescentar e comentar no fórum e participar com resenhas próprias. Creio que tais resenhas também seriam um bom tema de discussão para as várias listas de discussão.

Posted at 09:15 am by nalanda
Leia as opiniões (1)  

12.7.04
Confusões sobre Vipassana - II

Como ainda uma outra observação, parece-me difícil saber a quê uma autora como Charlotte Joko Beck está se referindo em "Sempre Zen -- como introduzir a prática do Zen em seu dia a dia", pág. 124, quando diz que “não se identificou com a Vipassana”, sem ter lido a passagem inteira referida, e portanto a quê vipassana, de que contexto e de qual escola, ela se refere. Mas, enfim, mencionar que ela seria uma observação que deixaria as pessoas'"frias", parece tirar a prática de seu contexto, equivalente a dizer que Zen é meramente ficar olhando com a cabeça oca uma parede vazia, descrição que se encaixa tão perfeitamente a certos ambientes psiquiátricos.

Enfim, todas as escolas e métodos têm seus mitos. Praticá-los, de fato, e no contexto apropriado, e não meramente ler sobre eles, é uma das poucas coisas que pode ajudar a dispersar os enganos e mitos. E, mesmo assim, isso pode não ser suficiente...


Posted at 09:12 pm by nalanda
O que você acha disso?  

Next Page